Felicidade cotidiana

17:59

Imagem: We♥It

5 da manhã. Silêncio. Quarto escuro. Nossa casa. A cama quente. Nós dois. 

Abro os olhos e te observo em silêncio, respirando profundamente, com uma expressão suave, serena. Ali, deitada, não consigo fechar mais os olhos. Sei que esses momentos raros nos entorpece a alma e embriaga o corpo, ao ponto de nos entregarmos ao sono despretensiosamente. Mas hoje, especialmente hoje, perdi o meu sono velando o teu. Encosto minhas mãos nas tuas e te sinto mais perto, mais meu, mais incrivelmente em mim. 

Mergulho em memórias recentes, mas tão profundas. Do primeiro encontro ao momento que vivemos hoje, enxergo uma trajetória de tanto amor e companheirismo que jamais pude imaginar que viveria, nem no melhor dos meus sonhos. Quem diria que nos nossos planos nos encontraríamos assim, e que sonharíamos juntos em viver a vida inteira lado a lado?! Graças ao acaso que nos juntou e a nós dois que acreditamos e nos permitimos. Assim, descobrimos juntos, o amor.

Te olhando assim, uma lágrima caiu de meus olhos, de emoção, de felicidade. Te ter comigo é razão pra essas lágrimas de vez em quando, porque é tanta emoção que transborda o peito e se transforma nesse pequeno lago que se forma por aqui. Sou tão feliz contigo ao meu lado, que se choro é por te amar absurda e inteiramente. És meu paraíso, afinal.

Em meio à queda das pequenas lágrimas, despertas. Me olha nos olhos, com uma expressão de estranhamento, como quem procura entender o que está acontecendo. Sorrio desconcertada, e logo entendes que estou bem, que é só felicidade batendo forte no peito e desaguando em meus olhos. Me puxas pra perto, abraça forte e me beija serenamente. Meus olhos, rosto, boca, sentem teu suave toque. E então num encaixe perfeito do meu corpo no teu, caímos no sono novamente.

É essa paz que só sinto ao teu lado que me transforma e me leva para além, para o nosso futuro, para a vida a dois que estamos construindo. E eu te agradeço pelos instantes comigo, e por em silêncio me fazer entender que é apenas disso que preciso para me fazer ir além, até o fim. Por nós dois adormeço e desperto, em paz.



Magda Albuquerque 


You Might Also Like

12 comentários

  1. Isso tudo foi pensado enquanto ela olhava pra ele na cama? Awn ♥♥♥ Ah, os pequenos devaneios da gente...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra você ver o quanto ela viaja, hein? ;)
      Devaneios mais que constantes, até queridos. <3

      Excluir
  2. Isso tudo foi pensado enquanto ela olhava pra ele na cama? /rt
    Imagine o que ele não pensa quando olha pra ela enquanto ela dorme...
    Esses seus textos maravilhosos e lacradores como sempre <3
    Beijinhoos :**

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Taí uma coisa que não pensei, Lay. Agora você me despertou pra isso: o que será que ele pensa?
      Obrigada pelo carinho :*

      Excluir
  3. Aquele texto que foi feito pra chamar de meu. ♥

    ResponderExcluir
  4. Oinnnn! alguem ta apaixonada? Que liiindo! volta e meia a gente fica assim ne? Bobas reparando no sono do amado! Muito fofo o teu texto. Beijinhos <3

    http://www.verdadeescrita.com/a-sociedade-conectada/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mais que isso, Rebeca. Tem amor por aqui! ;)
      Hahahaha... Essa felicidade que deixa a gente boba, né?
      Obrigada, meu bem. Beijos.

      Excluir
  5. Enquanto eu lia, me via ali. Lindo.

    www.namesmafrequencia.com.br
    www.momentosretratados.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que lindo! <3
      Me vejo em vocês também. ;)

      Beijão

      Excluir
  6. Mas hoje, especialmente hoje, perdi o meu sono velando o teu. Encosto minhas mãos nas tuas e te sinto mais perto, mais meu, mais incrivelmente em mim.


    Aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaai que texto mais amorzinho amorzinho de tudo ♥ fiquei toda suspirando aqui <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ooooooooooooowm *.*
      E eu suspirando daqui, enquanto escrevia, enquanto lia e relia. Aaaaaaah, o amor! <3

      Beeeeijo, Fê linda!

      Excluir

Seguidores