Por falta de adeus...

23:24


Tem gente que não sabe permanecer num lugar, com uma pessoa, por muito tempo. Aquela história de aquietar o coração, aconchegar o corpo em um único outro. Não sabe ou não consegue, sabe-se lá o motivo. O que sei é que apesar de aceitar as incertezas da vida, não estou disposta a querer estar com alguém que não sabe onde quer ficar. Não preciso de promessas, nunca precisei disso, mas quero alguém que também me queira, que queira estar comigo, de alguma forma. O querer é atemporal, é leve, mas não significa que eu deva viver nessa incerteza de quando você quiser estar comigo, quando bem entender. Eu continuo querendo você, estar com você, e isso acontece tanto. Acreditei em palavras, gestos, atitudes, em seu carinho, em tudo, mas se isso só pode acontecer de vez em nunca, eu abro mão, mesmo. Abro mão do sorriso bobo ao falar com você, da vontade de lhe ter por perto, de contar umas bobagens do meu dia, de ouvir sua voz e sua risada... Abro mão. Quero levezas, mas quero alguém com vontade, de verdade, que saia de cima do muro e ouse, porque a gente tem sempre essa alegria desconcertante ao ser conquistada, ao ver que alguém fez um sacrifício (por menor que seja) pra estar com você, nem que seja por minutos. Se você não pode fazer nada disso, nem um pouquinho, me despeço. Vá onde sua vida lhe pedir, e daqui desejo todo o bem, porque só guardo o que foi bom, de nós dois. E se for por falta de um adeus, deixo um tchau... Ou até logo.

Magda Albuquerque

You Might Also Like

4 comentários

  1. Posso roubar esse texto pra mim?
    Tudor que eu queria dizer! Muito bom Magda!
    Se nao quer e nao sabe permanecer e ser só de uma pessoa o melhor a fazer é deixar que ela vai embora. Amei, amei!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro que pode, Babi. É nosso! Esse é daqueles que ficam engasgados e de repente saem. E mesmo que pareça difícil se dar conta dessa situação, o quanto antes, melhor.
      Beijão.

      Excluir
  2. Quanta indecisão, não é?
    Lindo o texto.

    Beijo Magadinha ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Fê. Quanta indecisão!
      Obrigada, meu bem.
      Beijão.

      Excluir

Seguidores